Fibrose peniana: O que é, causas e como tratar

Fibrose peniana: O que é, causas e como tratar

Muitos homens ainda encaram os cuidados com o pênis um tabu. Contudo, falar sobre esse assunto é essencial, tendo em vista a quantidade de distúrbios que pode afetar o órgão sexual, entre eles a fibrose peniana.

Você sabe o que é fibrose peniana? Como identificar esse problema ou a melhor forma de tratamento para fibrose peniana?

Se a resposta for não, então continue lendo esse artigo e descubra tudo o que precisa saber sobre o assunto!

Fibrose peniana: O que é?

A fibrose peniana é um problema que se caracteriza pelo desenvolvimento de nódulos na parte interna do pênis, podendo causar mudanças em sua anatomia.

Mesmo sendo um problema que afeta a parte interna do pênis, é fácil identifica-lo através da palpação.

Como identificar esse problema?

O autoexame é a maneira mais simples de identificar a fibrose no pênis. Por conta disso, é recomendado que os homens realizem a palpação peniana com frequência, com o pênis flácido.

O ideal é palpar todo o órgão, procurando se atentar a presença de qualquer caroço nessa região. O tamanho do nódulo pode variar bastante.

E a qualquer sinal de alterações, procure um médico.

Vale ressaltar que não são todas as fibroses que podem ser identificadas dessa maneira. Logo, é necessário observar outros sintomas, como dores durante a ereção.

Fibrose peniana: Causas

Um dos fatores que desencadeiam esse problema são traumas no pênis, que geralmente ocorrem durante o ato sexual. Mas, outras condições também podem provocar a fibrose peniana, como a oxigenação inadequada na parte interna do pênis.

Diagnóstico e tratamento

Depois de fazer o autoexame é necessário procurar um urologista. Ele irá realizar um exame com ereção induzida.

Através dele, será possível avaliar o estágio do distúrbio.

Se a fibrose peniana não trazer uma grande deformidade, de modo a comprometer a capacidade de ereção, ela é tratada apenas com o uso de medicamentos para evitar o avanço.

Agora, se ela estiver em um nível avançado, de modo a causar uma grande deformidade no pênis, ou até mesmo a dificuldade de ereção, será necessário realizar um procedimento cirúrgico.

Essa cirurgia é baseada na Técnica Egydio. Através dela, será possível resolver qualquer problema relacionado ao nódulo.

Em muitos casos, por exemplo, o paciente pode sofrer de encurtamento ou afinamento do pênis. É através desse procedimento que será possível corrigir esse tipo de alteração.

Quanto mais rápido for o tratamento, melhor!

Uma coisa importante sobre a fibrose peniana é que quanto antes ela for tratada, mais chances de voltar a ter uma vida sexual normal o paciente tem. Em muitos casos, o distúrbio não afeta em nada esse aspecto da vida do homem.

Contudo, em outros, o distúrbio afeta diretamente a circulação de sangue dentro do pênis. Com essa limitação de fluxo, o homem passa a perder a capacidade de ereção, o que irá afetar o seu desempenho sexual.

Por conta disso que o autoexame é tão importante. Ao realiza-lo com frequência, ficará mais fácil identificar a fibrose peniana em estágios iniciais.

E nesses casos, além de não precisar de cirurgia, será possível evitar o avanço da doença, de modo que ela não comprometa diretamente a vida sexual do paciente. Então, faça ele e procure um médico a qualquer sinal diferente.

Leia Mais

Ondas de Choque para Disfunção Masculina e Curvatura de Peyronie. Recuperação Sem Injeções, Sem Cirurgia.

Doença de Peyronie. O que é e Porque Aparece.

DOENÇA DE PEYRONIE E A DISFUNÇÃO ERÉTIL ESTÃO ASSOCIADAS?

Tratamento Clínico da Doença de Peyronie

8 Causas Reversíveis de Impotência Sexual

Remédios Naturais e Comerciais para Impotência Sexual

Tem dificuldade de ereção? Pode ser um alerta de doença cardíaca

Peyronie e Impacto na Função Psicossocial

Peyronie tratamento caseiro: funciona?

Veja Mais Artigos >>