Ereção involuntária: Importância, o que pode impedir esse tipo de ereção e mais!

Ereção involuntária: Importância, o que pode impedir esse tipo de ereção e mais!

Se você já acordou de manhã ou até mesmo no meio da madrugada com uma ereção involuntária, não precisa se preocupar! Essa é uma reação natural do corpo masculino.

Ao contrário do que muitos homens pensam, uma ereção não acontece apenas com estímulos sexuais ou eróticos durante o dia.

Essa forma de ereção é uma maneira do seu corpo oxigenar os tecidos penianos e também um sinal de que está tudo bem com o seu pênis.

Qual a importância da Ereção involuntária?

A ereção involuntária é de extrema importância para a saúde sexual de qualquer homem, uma vez que indica que tudo está funcionando corretamente.

Além disso, ela ajuda a melhorar a circulação na área íntima, evitando assim o acúmulo de metabólitos tóxicos nos cavernosos ou instalação de disfunções nas ereções regulares.

Esse tipo de reação também auxilia diretamente na prevenção de doenças como a Peyronie e a Disfunção erétil. Logo, não se sinta constrangido se acordar com o pênis ereto algumas vezes durante a noite.

Isso quer dizer que o seu pênis está recebendo uma boa quantidade de sangue e que os hormônios, nervos, vasos sanguíneos, cérebro e coração estão trabalhando em sintonia.

Na verdade, você só deve prestar atenção em alguma diminuição da frequência dessa ereção involuntária.

O que pode impedir uma Ereção involuntária de acontecer?

Se você não teve nenhuma ereção involuntária recentemente, calma, isso não quer dizer obrigatoriamente que você está por algum problema de saúde.

Como esse tipo de ereção depende de um conjunto de fatores, várias razões podem provocar a sua ausência.

O estresse e a ansiedade, por exemplo, afetam diretamente os estímulos nervosos que o seu corpo precisa. Já quem sofre de diabetes, pode apresentar uma condição mais duradoura, pois pode vir a ter os vasos sanguíneos e nervos danificados, o que vai prejudicar diretamente o fluxo sanguíneo.

Isso sem falar nos maus hábitos que também comprometem diretamente a saúde, como tabagismo, alcoolismo, má alimentação, falta de exercícios físicos e vários outros.

Por conta disso, o ideal é que assim que você identifique a falta de Ereção involuntária por um período mais longo, procure um urologista.

Um especialista poderá avaliar e fazer todos os exames necessários para identificar o que está desencadeando o problema. E dependendo do tipo de distúrbio, diferentes tipos de tratamentos podem ser indicados.

Em boa parte dos casos apenas mudanças na rotina e a estimulação da circulação sanguínea na área podem ser suficientes. Já em outros, o médico pode indicar o uso de medicamentos ou até mesmo a realização de procedimentos complementares.

O mais importante é que você não espere que um caso grave se instaure para então procurar ajuda. Homens tendem a ter mais dificuldade de ir buscar auxílio médico, mas esse é um tabu que precisa acabar.

Conclusão

Saber a importância da Ereção involuntária é essencial para qualquer homem que deseja manter a saúde sexual. Se você não está tendo mais esse tipo de reação do seu corpo, ou até mesmo outros sintomas como dificuldades de urinar, não deixe de procurar um médico.

Leia Mais

Doença de Peyronie. O que é e Porque Aparece.

8 Causas Reversíveis de Impotência Sexual

Remédios Naturais e Comerciais para Impotência Sexual

Tem dificuldade de ereção? Pode ser um alerta de doença cardíaca

Peyronie e Impacto na Função Psicossocial

 

Veja Mais Artigos >>