Tratamentos para a

Curvatura Peniana Congênita

A Curvatura Peniana Congênita é um distúrbio que afeta o adolescente e o adulto jovem. Contudo, muitos homens deixam de procurar ajuda por vergonha, o que pode ser um erro sobretudo quando do início da atividade sexual. Atualmente, já existem alguns tratamentos que podem solucionar esse tipo de problema.

Sobre a Curvatura Peniana Congênita

Conheça mais detalhes

A Curvatura Peniana Congênita é um tipo de distúrbio que gera tortuosidade no pênis. Geralmente ela é notada em homens com 15 a 30 anos de idade. Muita gente não sabe, mas esse é um problema congênito sem presença de placas, mas que pode evoluir para o surgimento de fibroses.

Em geral, a curvatura congênita é identificada durante a puberdade e muitos jovens acreditam que a deformidade, mesmo quando muito acentuada, é normal. Os problemas começam a surgir quando o adolescente inicia a atividade sexual e apresenta problemas com a penetração o com a estética do pênis.

Uma questão importante é nem todos os pacientes precisarão de tratamento especializado e que muitas curvaturas pode e devem ser consideradas normais.

Por outro lado, quando a curvatura gera transtornos relevantes ou quando possui grande angulação, alguma forma de tratamento deve ser orientada, pois a manutenção recorrente de relações com o pênis deformado pode levar ao surgimento de fibroses na parte do pênis contrária à curvatura (o pênis pode se dobrar e gerar microtraumas que levam à fibroses)

A Curvatura Congênita não causa qualquer problema nas ereções, mas pode levar a quadros de insegurança que evoluem para alguma forma de disfunção sexual erétil.

Por conta disso é importante que o jovem com curvaturas procure orientação para a melhor conduta em seu caso em específico o quanto antes.  Casos muito agressivos devem receber tratamento logo no início da atividade sexual ou mesmo antes de seu início.

Principais tratamentos

A Curvatura Peniana Congênita pode ser trada de diferentes formas. Mas, no Instituto Peyronie nós consideramos que a técnica STAGE é a mais adequada os casos com indicação cirúrgica.

Pode-se considerar que esta técnica é um refinamento da consagrada cirurgia de Nesbit, mas com cuidado para evitar encurtamento o pênis e para que os pontos aplicados sejam pouco paupáveis.

Como não há abertura da Túnica Albugínea não há risco de disfunção erétil causado pelo procedimento.

Como vantagem adicional, não é necessária a disseção completa do feixe vásculo-nervoso, evitando-se problemas de sensibilidade da pele e da glande.

Adicionalmente, no Instituto Peyronie as incisões circulares com desenluvamento do pênis foram praticamente abolidas em favor das incisões medianas (incisão na cicatriz natural que todo o pênis possui). Com isso a recuperação dos pacientes é muito mais favorável, além de evitarmos uma série de complicações indesejáveis que costumam gerar transtornos prolongados aos pacientes.

A técnica STAGE é uma forma de tratamento eficiente para a Curvatura Peniana Congênita. Nesse procedimento, são realizadas pequenas incisões superficiais nos corpos cavernosos para a aplicação de suturas não absorvíveis.

Após cada mini suturas checamos a curvatura e aplicamos novas suturas até corrigi-la totalmente a tortuosidade.

Com esta técnica temos um grande cuidado para não reduzir as dimensões do pênis previamente checadas no consultório, sendo possível corrigir curvaturas importantes variações tão pequenas quanto 0,4cm.

Veja uma ilustração com a técnica:

https://drive.google.com/open?id=1sQNY1IdEKxHNe1SXAK4d44uWOMnDd45Q

Conheça o

Instituto Peyronie

Com duas unidades localizadas em São Paulo, o Instituto Peyronie oferece um espaço de atendimento amplo, confortável e seguro, além de uma equipe de profissionais especializados para atender seus pacientes com o máximo de excelência, sempre mantendo o nosso padrão de qualidade.


Dr. Cesar Camara

Urologista e Andrologia - CRM 97363 / RQE 41803

O Dr. Cesar Camara possui graduação e doutorado pela USP, uma das mais renomadas instituições de ensino do país. Especializou-se e Urologia, atuando diariamente no tratamento de pacientes com Doença de Peyronie, Disfunção Erétil, Aumento Prostático e na prevenção de problemas do trato uro-genital.

Ao longo dos seus mais de 12 anos de experiência em urologia, Dr. Cesar especializou-se nos atendimentos e cirurgias visando a recuperação e no restabelecimento da qualidade de vida dos seus pacientes, especialmente no tratamento das Curvaturas Genitais, dos Casos Complexos de Prótese Peniana e nas Doenças da Próstata.

Comprometido com o bem-estar de seus pacientes, o Dr. Cesar Camara acompanhar todos os processos, desde a primeira consulta, até os tratamentos, indicação de exames no pré e pós-operatório, para garantir o conforto e o máximo de segurança dos seus pacientes.

Reconhecido por uma atuação com qualidade de Nível Internacional, o Dr. Cesar Camara já foi membro do Departamento de Cirurgia do HCFMUSP,   atuou por mais de 7 anos como médico assistente-doutor do setor de Urologia do HC da Faculdade de Medicina da USP. Atua nos maiores e mais bem conceituados Hospitais da Capital Paulista.


Certificações

Títulos e Especializações

O Dr. Cesar Camara especializou-se em Urologia  pela Universidade de São Paulo – USP, onde também possui o Título de Doutor em Ciências. Ele também é Membro Titular da Sociedade Brasileira de Urologia, da International Society for Sexual Medicine e da Sociedade Latino-Americana de Medicina Sexual. É membro frequente dos maiores congressos na área ao redor do mundo.

usp

Graduação e Doutorado pela Universidade de SP (USP)

sbu

Título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Urologia. Ex-Membro Titular.

issm

Membro da International Society for Sexual Medicine

eau

Membro da Sociedade Europeia de Urologia